fbpx

7 formas de engajar seus colaboradores durante o home office

Confira dicas para que sua empresa combata o presenteísmo em tempos de trabalho remoto!
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

FIQUE POR DENTRO DAS NOSSAS NOVIDADES

Na pandemia provocada pela Covid-19, o sonho de muitos antes da doença virou, no mínimo, um dissabor: o home office, que, tendo aparecido de surpresa, impediu que muitas pessoas montassem, com calma, o planejamento, a estrutura necessária para o bom aproveitamento do trabalho: estamos falando de móveis, conexão de internet, ferramentas de trabalho e até mesmo uma agenda adaptada para essa modalidade de trabalho

Ainda assim, as empresas, incluindo a ConQuist, precisaram se adaptar a uma nova realidade, e muitas estão fazendo isso muito bem. Seja sua empresa uma destas ou das que estão encontrando um pouco mais de dificuldade no processo de implantação do home office, nós separamos aqui sete dicas universais para os líderes de empresas que durante a quarentena desejam engajar seus funcionários da mesma forma – ou até mais – que durante o trabalho presencial. Confira!

Dicas para engajar no home office

  • Esteja disponível para sua equipe

Durante esse período, além dos sentimentos conflitantes de isolamento emocional por conta do distanciamento social, os funcionários tendem a sentir-se menos conectados com seus colegas de trabalho, também. A ausência da convivência diária faz com que pessoas que se gostam e têm um bom entrosamento não conversem tanto quanto antes, enfraquecendo laços. Se essa pessoa sentir isso do seu próprio líder, a situação piora! Esse sentimento de abandono e solidão pode ser muito prejudicial para a proatividade dos colaboradores.

  • Esteja atualizado sobre ferramentas

Agendas e planners, aplicativos de gerenciamento de tempo, programas para conferências em vídeo… De um momento para outro, todas essas ferramentas bombaram. A explicação para isso é simples: os processos que ocorriam de forma presencial e que já estavam consolidados precisavam ser adaptados para a vida online. Um quadro de avisos, uma passada na sala do gerente, um café na copa com o pessoal de outro departamento: esses momentos precisaram ser substituídos, mas não precisam ser eliminados. Estando sempre atualizado sobre as novidades e os recursos que elas propiciam, você poderá ser proativo e mostrar que está buscando o bem estar e o bom funcionamento do time.

  • Promova encontros periódicos de toda a equipe

Calma lá pra não exagerar! Não estamos falando de um excesso de reuniões desnecessárias, o que pode ser cansativo para os funcionários. Estamos falando de reuniões de alinhamento associadas a descontração. Ou seja, é um momento para que todos contem as novidades que ocorrem no departamento deles, escutem os colegas, conversem e desabafem. Assim, a possibilidade de que os laços de amizade e empatia pré-isolamento persistam é maior.

  • Facilite a vida de seus colaboradores

Cobrança de folha de ponto, hora extra… Se as pessoas já tinham dificuldades com alguns processos administrativos antes, imagine agora! Se o seu colaborador esqueceu de avisar que está iniciando o turno do dia ou assinar algum documento, releve. As coisas são mais abstratas agora, e os esquecimentos são favorecidos. Em vez disso, mostre como ele pode eliminar essas dificuldades. Duas boas dicas são o fornecimento constante de feedback (dá uma olhada na próxima dica) e o estabelecimento de metas claras que deixam a pessoa ciente de como a avaliação dela vai provavelmente se encaminhar. Assim, com transparência, fica mais fácil para o colaborar saber o que esperar de acordo com as entregas que ele fez. 

Home office durante a pandemia demanda uma reinvenção dos processos de trabalho 
  • Forneça feedback regularmente

A aplicação regular do feedback, essencial sempre, agora se tornou indispensável. Como você espera que seus funcionários adivinhem a avaliação da empresa sobre aquele workflow? Como você espera que eles melhorem os processos que foram adaptados, se sequer sabem se a percepção e os resultados da empresa estão sendo positivos ou negativos, e porquê? Nesse momento, a comunicação é a chave para a ligação e saúde do negócio! 

  • Seja flexível

Metas de venda, por exemplo, podem ser um problema nesse momento e podem precisar de adaptação. Por mais que eles queiram, pode ser muito difícil manter o mesmo nível de venda ou maior do que antes dos impactos da pandemia. O poder de compra da população caiu, e isso é um fato! Que tal considerar esses números na hora de elaborar metas individuais? Com certeza, seus funcionários se sentirão mais compreendidos e motivados a realizar esforços (possíveis!) pela empresa!

  • Escute seus funcionários

A última dica vale ouro: o feedback e a comunicação são vias de mão dupla! Assim como o líder tem visões do funcionário e seu trabalho, os empregados também têm suas opiniões, tanto sobre seus gestores como acerca da empresa. Por que não escutar essas pessoas que têm visão privilegiada dos processos da empresa e do mercado? Elas poderão te ajudar muito, especialmente durante o home office, a melhorar seus procedimentos e conquistar mais resultados!

A ConQuist é referência em treinamento, consultoria e educação corporativa para a melhoria dos processos de venda e recrutamento. Fale com um de nossos consultores ou confira nossos cursos e workshops

Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp